Brasil Dairy Trends 2020

11 Brasil DairyTrends 2020 Capítulo 1 O SETOR DE PRODUTOS LÁCTEOS Renato Abeilar Romeiro Gomes Rosana de Oliveira Pithan e Silva Ariene Gimenes Fernandes Van Dender Patrícia Blumer Zacarchenco Este capítulo apresenta um panorama da indústria de la- ticínios, com descrição de seus principais produtos, dados estatísticos de produção, consumo e emprego, entre outros. 1.1 Caracterização dos produtos da indústria de laticínios Existem diferentes classificações adotadas para produtos lácteos que se baseiam em sua composição, nas tecnologias usadas para fabricação e nas regulamentações dos diferentes países, entre outros critérios. O estudo Brasil Dairy Trends 2020 convencionou adotar como base, principalmente, as classificações constantes na legislação brasileira, além de outras fontes complementares. Leites fluidos e em pó Nesta categoria são destacados os produtos para ingestão na forma líquida, incluindo os leites puros fluidos e em pó, leites aromatizados, bebidas lácteas e produtos compostos, em pó ou prontos para beber, de base láctea com finalidades nutricionais específicas. A Figura 1.1 apresenta a descrição resumida dos leites fluidos e em pó. Exemplos de leite pasteurizado, leite pasteu- rizado Tipo A, leite UHT e leite em pó estão apresentados na Figura 1.8. De acordo com SILVA (2014), existem atualmente três tipos de leites fluidos destinados ao consumo que estão disponíveis no mercado: o leite pasteurizado Tipo A, o leite pasteurizado comum e o leite longa vida (Ultra High Tempe- rature, UHT). Cada um desses tipos pode ser encontrado com diferentes teores de gordura, sendo denominados integrais, quando o teor de gordura mínimo é 3%, semidesnatados, quando esse teor se encontra no intervalo de 0,6% a 2,9%, e desnatados, quando o teor máximo é de 0,5%. A Figura 1.2 apresenta exemplos de produtos lácteos dessa categoria.

RkJQdWJsaXNoZXIy MTgxNA==